sábado, 6 de agosto de 2011

45 ANOS DE PONTE SOBRE O TEJO

Se tivesse fotografado a Ponte Salazar no dia 6 de Agosto
de 1966 a imagem deveria ser semelhante a esta (cima)

Os cacilheiros foram deixando de transportar carros...
hoje só transportam o Sol, quando este se põe!


Triste aniversário, no entanto, hoje o da Ponte - agora 25 de Abril - porque às 6 da manhã, com a Ponte envolta num nevoeiro parecido com este, um acidente causou uma vítima mortal... aliás, entre acidentes e suicídios a Ponte deve ser 'responsável' por umas dezenas nestes 45 anos de vida a ligar a margem norte do Tejo com a margem sul.

E se 'a Ponte é uma passagem para a outra margem', pois então que continue a sua (difícil) missão, pois esta Ponte tem sido alvo de politiquices (lembram-se do deserto a que o Ministro das Obras Públicas votou a margem sul?), de economicices e socializices, para não dizer outras coisas acabadas não em 'ices' mas noutras sílabas...

A ponte tem a perspectiva que lhe queiramos dar...

... e agora até leva o comboio pelo meio do Tejo...

Ai, Ponte
quando te vejo
no meio do Tejo
a brilhar
fico com o desejo
de por ti alcançar
a outra margem
do Rio...
Ai, Ponte
se tu soubesses
a vontade de passar,
como vela de navio,
e no outro lado ficar
na margem do cais
esperar
que tu venhas ancorar
o teu barco no meu Rio!

9 comentários:

Joana disse...

Que belas imagens!

Joana disse...

A melhor recordação que tenho da ponte 25 de abril foi quando passei por baixo dela a bordo do navio Creoula. Foi um autêntico mar de emoções!

Beijinhos

Se eu pudesse... disse...

Sempre a chamei de minha, visto que nasci a 25 de Abril :P

CF disse...

Uma ponte de regresso a casa...ainda ontem passei por lá...ainda com algum nevoeiro, mas só depois tive conhecimento do acidente! Triste, não?
para mim uma ponte simboliza o encontro, a continuidade, a procura...quem me dera que uma ponte dessas me levasse a uma margem no Atlântico onde o mar abraça a terra de todos os lados!
bjs
PS. boas fotos e belo registo, o teu...sinceramente, os teu últimos registos têm sido espetaculares...na minha modesta visão, claro! :)

lino disse...

Imagens lindas!
Abraço

Rosa Carioca disse...

Imagens lindas!
Ponte é ligação, é passagem, é encontro ou separação... depende da perspectiva.

Maria, Simplesmente disse...

Bem a Ponte está registada como "Ponte Salazar".
Não sou Salazarista, não sou politiqueira, não me interesso por política barata nem cara, mas a verdade é que não esqueço a história e felizmente ainda me lembro que era este o primeiro nome dela.
O complexo que a maior parte de nós tem de ter vivido, conhecer e ter de aceitar a história tal como ela é!
Fazer de conta que só começamos a viver depois do 25 de Abril!
É por isso que hoje somos o que somos.
Damos esmolas em lugar de "ajudar",
tentamos esquecer o que fomos e calamos para não sofrer críticas, sobre aquilo que pensamos.
É natural que os que nascerem depois do 25 de Abril só a conheçam como a Ponte 25 de Abril", ela não é minha, é do meu País, e o meu País tem uma história cheia de peripécias nem sempre agradáveis, mas não as esqueço, e talvez seja das pessoas que muito sofreu com um passado que não escolhi, mas é o meu.
A Ponte chamava-se "Ponte Salazar, passou a ser chamada "Ponte 25 de Abril", para muitas pessoas foi durante muito tempo a Ponte Sobre o Tejo, não é minha, é de todos nós, é do País onde nasci, onde gosto de viver, e onde sempre fiz a minha vida.
Desculpa, mas detesto quem não tem coragem de encarar a realidade dos factos... muitas vezes... por vergonha.

Desculpa, talvez me tenha excedido, mas seja como for não temos de ter vergonha da nossa história, nem de dizer verdades, talvez seja por isso que já não ando muito por este mundo de "faz de conta"...

Mar Arável disse...

Os rios e a vida precisam de pontes

para que não se firam as águas

Dulce B. disse...

Belissimas fotografias, está excelente este teu post!
Ponte é sinónimo de ligação, de passagem, de encontros ou desencontros... depende da perspectiva e do momento! Bj.