quarta-feira, 3 de agosto de 2011

NO CASTELO PONHO O COTOVELO, ALMOFADA DA CAMA DO SADO!

Há sempre um Castelo encantado na nossa Vida...

... com uma escadaria que não sabemos onde vai dar...

... embora haja sempre uma luz ao fundo do túnel...

... e uma misteriosa porta fechada com dois trincos...

... e Castelo sem masmorras não é Castelo....

... embora haja sempre uma clarabóia por onde se pode respirar...

Há sempre
um Castelo
de ameias altas
feito de pedras
altaneiro,
silencioso,
misterioso,
sobranceiro,
há sempre
um Castelo
quantas
vezes de
encantar
que nos faz
sonhar
com vontade
de o
conquistar!

14 comentários:

Filoxera disse...

E qual é...?

Sofá Amarelo disse...

Castelo de São Filipe em Setúbal!

Alexandra Gouveia disse...

Estão fabulosas. que Castelo imponente.

elvira carvalho disse...

Excelentes fotos. Portugal tem belos castelos.
Um abraço

Se eu pudesse... disse...

Temos castelos belíssimos que pouca gente dá importância!

dida disse...

Visto assim - encanta e tenta!
Parabéns

Luís Coelho disse...

Há sempre pedras que fazem estradas, castelos e casas onde nos abrigamos.

Por vezes as pedras são parte dos nossos sonhos e visões.

Graça Pires disse...

Belíssimo!
Beijos.

Virgínia do Carmo disse...

Lindas as fotos e as palavras.

E belo o castelo de cada um:)

Beijinhos!

Joana disse...

É muito bonito!

Beijinhos

lino disse...

Bonito e parece bem conservado, ao contrário de tantos por esse país fora.
Abraço

Marta disse...

E porque não conquistá-lo pelos minutos que lá estamos, a descer, a subir, a ver a vista???
Boas fotos...
Beijos e abraços
Marta

tulipa disse...

OLÁ

...por Setúbal...!!!

Ora bem
dá gosto cá vir
e encontrar belas fotos.

Hoje convido-te
a visitar algo que
...acredito que não conheças ainda.
Espreita e logo verás!!!

Uma zona tão bela e romântica,
muito bonita.

Juro-te
para mim foi mais um
"MOMENTO PERFEITO!

Um beijinho.

Maria João disse...

Os castelos são sempre um mistério que o tempo usou para guardar todos os enigmas. São esses enigmas que revelas, aqui, com fotos e palavras e que nos transportam para uma analogia tão verdadeira de cada um de nós.

Um beijinho Alex