sábado, 24 de dezembro de 2011

RETOQUEI OS TIJOLOS DO TELHADO...


Retoquei os tijolos do telhado
mandei vir o limpa-chaminés
pintei o interior de cinza prata
trouxe lenha de terras distantes
acendi um lume dourado
ensaiei a secreta serenata
salpiquei a lareira de diamantes
e pendurei fitas por todo o lado!

E mais: arranjei um sapatinho
que é mesmo do teu tamanho
e em frente à lareira acesa
ao som do crepitar baixinho
e do aroma a framboesa
um tapete vermelho estendi
sentei-me nele e fico à espera
que o Pai Natal te deixe aqui!

8 comentários:

Justine disse...

Ao ritmo da tua poesia natalícia e aquecida pelo belo fogo da lareira, agradeço os votos e retribuo-os a dobrar, com um abraço! Boas Festas!

Mulher disse...

BOAS FESTAS.
Obrigada e bjinhos.

Ana disse...

espero que o teu natal tenha sido bom e quentinho:)
beijinhos

lino disse...

Espero que o Pai Natal tenha deixado o que querias! Boas Festas e um abraço

Joana disse...

E deixou?

Beijinhos

Diário de um Anjo disse...

Muito bonito. Boas festas

Vera disse...

Gosto quando escreves poesia :)

Beijinhos e tudo de bom

Maria.N.P.A. disse...

E o Pai Natal deixou... ou não?
Espero que sim...