terça-feira, 31 de março de 2009

O Verdadeiro sentido da VIDA!

Subi à mais alta das estrelas
onde os momentos são magia,
onde os olhos são janelas
e as bocas telepatia,
onde as mãos são de veludo
e os corpos cristalinos,
subi ao topo do mundo
compus uma melodia
tecida com fios de seda
que mais parecia um hino
daqueles que nos envolve
que nos transporta no tempo
voltando sempre à partida
e que no fim nos devolve
o verdadeiro sentido da VIDA!

11 comentários:

BlueVelvet disse...

Olha que bonito, Alex.
Já tinha saudades destes teus momentos de poesia.
Beijinhos

Marta disse...

O verdadeiro sentido da vida???
Creio que o perdi algures...
Talvez tenha que escalar essa montanha e desafiar o silêncio...
Lindo...
Adorei, Alex
Beijos e abraços
Marta

Secreta disse...

VIDA é única , e todos nós devemos vive-la intensamente. E sim , dar-lhe um significado , um sentido que nos faça sentir realizados.

Maria, Simplesmente disse...

Olá poeta!...
Gostei de te ver e ler.
Bj
Maria

Justine disse...

É uma melopeia, uma ritmo em crescendo,um cântico, uma aleluia. à vida. à palavra poética!

Violeta disse...

presisamos todos de encontrar o sentido da vida...
bjs

Fernando Santos (Chana) disse...

Belo texto...Espectacular....
Um abraço

mulher disse...

Gostei muito.
Parabéns um beijo enorme.

escarlate.due disse...

mas são exactamente os momentos de magia que nos dão o verdadeiro sentido da vida, ou não?!
eu acredito que sim...

belakbrilha disse...

Onde é esse topo do mundo?

...deve ser mágico!

bjs

Filoxera disse...

Poeta: mais uma vez inspirado.
Mas distante. Passa-se alguma coisa?
beijos.