domingo, 30 de maio de 2010

O POVO SAIU À RUA NUM DIA ASSIM...


A Av. da Liberdade em Lisboa encheu-se de gente no dia 29 de Maio que protestou contra as medidas sociais tomadas pelo Governo nos últimos dias. O Meu Sofá Amarelo esteve lá para sentir o pulso à população...
Na foto do lado, a repórter loira entrevista as letras de 'manifestação'; em baixo Carvalho da Silva: "Sim, eu sei devem estar aqui umas 300 mil pessoas mas o que me chateia é um indivíduo aqui à frente vestido de Sofá Amarelo que não pára de me fotografar!"


Careto disfarçado de Ministro das Finanças ou se calhar
Ministro das Finanças disfarçado de careto!

"Puxa, algum camarada aqui presente
comeu feijoada ao almoço!"

Nova moda nas manifestações: recua, recua e
depois dispara em corrida... é claro que alguns
foram espezinhados mas quem arranca por gosto...

Desta vez tudo correu com... Tranquilidade!
Para a próxima vamos ver!

10 comentários:

Joana disse...

Muito boas as fotos. :)

Beijinhos

direitinho disse...

Segui a manifestação pelos noticiários da TV.
Nós somos muitos
Mas
eles tem as armas e as balas
Nós temos a razão
Mas
eles não tem coração

tulipa disse...

A poucos minutos de terminar este domingo - 30 de Maio vim visitar-te e ler todos os posts de há 10 dias para cá; acreditas que desde 6ª feira à noite que nunca mais ouvi nem vi notícias, por isso não sabia como tinha decorrido a manifestação de sábado - 29 de Maio.
Tive um casamento de família neste sábado, saí bem cedo de casa e acabei de chegar a casa, já pelas 23h deste domingo. Cá estou e como sempre bela reportagem fotográfica a tua. Parabéns!!!

Vem ver o meu último post sobre a música "Baby think twice" de Celine Dion.
Beijos.
Boa semana para ti.

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Boa reportagem.Arrependi-me de não ter levado a minha máquina fotográfica.

looking4good disse...

Empresta-me o teu sofá amarelo para ficar com a Heidi Klum que hoje faz anos! aiaiai

O Mourinho é que anda contente com a «crise». Então não é que disse: «Eu sou o José Mourinho e o José Mourinho que que chega hoje ao Real Madrid é o José Mourinho...». Razão existe naquela anedota de saber qual a diferença entre o José Mourinho e Deus. É que Deus nunca imaginou ser José Mourinho...

Bem, uma boa semana com menos crise, muitas fotografias e poesia ...é claro!

Mel de Carvalho disse...

olha amigo, vale sempre a pena erguer o pulso e a voz, por Abril conquistado.

eu, como me dou mal com apertos, não alinho, mas vou deixando sementes de apoio, aqui e mais ali - cada um faz o que pode :).

"não me obriguem a vir para a rua e gritar!!!" porque se por mesmo importante, deito as fobias das enchentes ao Tejo e avanço.


Alex, abraço e, guarda lugar no sofá amarelo para a Mel, que, em tempos idos, era "Fada" (quando pensava que podia gerar uma cadeia de solidariedades com palavras e dá-las a quem delas fizesse brotar o pão, o colo, o mimo - para crianças que nada, ou quase nada tinham...)...

'inté.

Mel

PS: o teu trabalho? genial!!! sempre

Justine disse...

A tua reportagem representa bem o ambiente de força e solidariedade e luta que vivemos na Avenida no sábado!Obrigam-nos a ir para a rua gritar!!!Venham mais cinco!

pin gente disse...

eheheh
temos que "lutar" pela tranquilidade
beijo

Filoxera disse...

A esta não fui; só à do 1º de Maio. Que os miúdos também requerem atenção.

Ezul disse...

Fartei-me de andar mas valeu a pena! Por diversas razões! Era um mar de gente, uma maré cheia de razão e de voz para gritar mas, ainda assim, quem nos ouve? Como poderá esta voz mudar o rumo das políticas, as fragilidades estruturais deste País que nunca encontrou o´seu próprio rumo? Hoje 300 mil, amanhã sorrisos e esquecimentos nhora de votar, na hora de acreditarmos que podemos ter uma realidade mais produtica e mais justa.
Ainda assim, haja lugar para a esperança...
:)