sábado, 25 de setembro de 2010

JOSÉ LUÍS PEIXOTO, O HOMEM POR TRÁS DA OBRA


Zé Luís Peixoto lançou mais um livro, mas desta vez este livro é o Livro. Não é um livro, é o Livro. Lembram-se daquela questão da vírgula aqui há uns anos? Pois aqui é uma questão de artigo: um livro pode ser qualquer coisa em forma de livro, o Livro só pode ser o... último livro de José Luís Peixoto! Apresentado na Casa do Alentejo com continuação nas Galveias na próxima 2.ª feira. E assim me livro de livrescas interpretações... Mas não me quis livrar de estar no lançamento do Livro de José Luís Peixoto!

10 comentários:

Ana disse...

Olá!
Se nunca ninguém te disse, digo-te eu: és um sortudo!!!:)
Beijinhos

Lia disse...

Interessante!(a obra e o homem);0)


Beijinhos e bom fim de semana.

mulher disse...

Olá
Bom fim de semana.
Quero ver se compro, O LIVRO.
Bjinhos

tulipa disse...

OLÁ ALEXANDRE
como te tinha dito estive 1 semana de férias no Algarve. Hoje vim à net e visitei o teu blog (coisa que não tens feito aos meus 2 blogues...) e li...alguns dos últimos posts.

Na história da D. Maria apanhei este excerto que repasso, pois tenho quase a certeza que sei a quem te diriges quando o escreveste:
..."O menino que entretanto cresceu até ser homem continuou a passar por ali mas com outras funções e outras prioridades. "Um dia vou encostar o carro, sair e fazer uma visita embrulhada num abraço", pensou o menino que crescera até homem. Pensamento sempre adiado porque a vida é um corre-corre... mas um dia iria parar, cruzar o portão e levar uma lembrança à Dona Maria. O dia da visita seria amanhã, no máximo depois de amanhã... mas o menino que crescera até homem mas que guardara na memória pedaços de criança, chegou tarde ao portão... a Terra ficou mais pobre, o Céu ganhou uma estrela brilhante e o menino que cresceu (mesmo não querendo) até homem, ficou triste e chorou... de sede!"

Pois é, Amigo: chegaste tarde!!!
E irás continuar a chegar tarde a outros lugares, porque...não fazes com que a vida seja um pouco diferente. A desculpa do corre-corre eu não aceito!!!
Tenho pena que continues a "adiar" um encontro.

Bom fim de semana.
Beijos.

Nota: e eu pergunto: que adiante depois chorar???

tulipa disse...

Nota:
e eu pergunto:
que adiante depois chorar???

Convido-te a veres o post que fiz sobre a minha participação no "5º Raid Fotográfico da Moita" no blog "Deabrilemdiante".

Muito em breve vou "proibir comentários" pois acho que não vale a pena...no contador de visitas observo que tenho cerca de 20 visitantes p/dia e em 10 dias tenho apenas 2 comentários...isto desmotiva quem escreve e faz posts.
Vou passar a fazer posts sem hipótese de comentar, penso que as pessoas preferem assim.

Ana disse...

Esperava este livro com muita expectativa, já li os livros todos dele e adoro a maneira como escreve!
beijinhos

Justine disse...

Curiosidade desperta, aí vou eu comprar o...Livro!

Virgínia do Carmo disse...

Ainda não tenho, mas tenciono ter em breve... é um dos meus escritores preferidos...

Obrigada!

Beijinhos!

argumentonio disse...

já tive o Livro nas mãos, lá lhe roí algumas linhas e entrevi diversas histórias!

ficará para ler em oportunidade menos sobrecarregada, mesmo descontando que leituras atrasadas são uma espécie sem vias de extinção!!

e do JLP só vem boa obra literária!!!

mas... e que é do enigma da foto de alguém de calção? descortinou-se quem era?

;_)))

pin gente disse...

muito interessante a dualidade da imagem

beijo