segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

O QUE É QUE BATATAS (sim, daquelas de cozer e fritar!) TÊM A VER COM O EUROMILHÕES?

Ele tinha duas coisas para fazer com urgência naquele final de tarde de Sexta-feira: uma era comprar batatas para acabar de fazer a sopa; a outra era registar o Euromilhões. As duas coisas eram indispensáveis: as batatas, porque sopa sem batatas não tem piada; o Euromilhões porque ele tinha mudado os números habituais com que costumava jogar, tinha sonhado com outros números e estava mesmo com uma grande fézada!

Mas onde ir primeiro? Às batatas, porque a sopa estava quase a levantar fervura? Ou ao Euromilhões, porque eram quase 19 horas? Bom, ele pensou que dar um salto à mercearia seria rápido... e afinal ainda eram só 18.30 h. Priorizado o problema ele lá foi: na mercearia pegou num pequeno saco de batatas de 3 kg e dirigiu-se à caixa para pagar... no preciso momento em que chegava também uma velhinha qua ia comprar apenas uma caixa de fósforos!

Por delicadeza ele deu passagem à velhinha, mas depois arrependeu-se: é que a senhora começou a reclamar do cêntimo que a caixa de fósforos aumentara desde o mês anterior... e ainda por cima pôs-se a contar os cêntimos que trazia na carteira quando esta se virou ao contrário e espalhou moedas pretas por todo o lado... ele viu-se de rabo para o ar a apanhar moedas quando devia estar a entregar o boletim do Euromilhões...

A velhinha acabou por não levar a caixa de fósforos e ele conseguiu chegar a casa, descascar 3 batatas mal descascadas, atirá-las para dentro da panela, baixar o bico do fogão para o mínimo e correr para a casinha do Euromilhões... como não quis jogar com os n.ºs habituais porque - dizia - já não faziam sentido, tirou um boletim, começou a preenchê-lo, sorriu com as combinações de n.ºs quando... alguém que vinha com uma chávena de café na mão tropeçou, a chávena de café deu duas piruetas no ar e foi aterrar precisamente em cima do boletim com os n.ºs mágicos... ele ficou aterrorizado, o tempo resumia-se a alguns segundos... sem ouvir o pedido de desculpas, esgueirou-se para o balcão, alcançou outro boletim, preencheu-o quase com garatujas, atirou-se à menina do totoloto, esta pôs o boletim na máquina e... tunga!!! O sistema fechou nesse preciso momento!

«Agora só para a semana!», exclamou a menina, devolvendo-lhe os n.ºs «premiados» não registados! Ele voltou para casa cabisbaixo, mesmo a tempo de constatar que a panela da sopa tinha pegado fogo e que os vizinhos tinham chamado os bombeiros...

À noite ele consultou os n.ºs premiados só por curiosidade! E não é que o jackpot saiu mesmo na chave que ele não registou? A partir desse dia ele aprendeu uma grande lição, que espalhou pelos amigos: «Nunca façam sopa em dia de Euromilhões! Comprem antes frango assado!»

12 comentários:

mulher disse...

HAHHHAHAAHAHAH.
essa não!
frango assado? antes nao por o euromilhoes.Que dia de azar ele teve.!!!
Beijito

**laura** disse...

Bem... problemas desses eu não enfrento... primeiro, para desgosto da minha mãe (e meu, que bem queria emagrecer!) não gosto de sopa (embora aprecie umas boas batatinhas fritas!). Segundo, não jogo... euromilhões, totoloto, lotaria, nada! Pronto vá, o ano passado devo ter perdido o amor a 2€ por umas 3 vezitas e lá joguei...
Ah! E é pior a emenda que o soneto. Frango assado no forno, é bem bom. Agora, comprar frango de churrasco é coisa que não me cheira! lol
eheheh
:D

Filoxera disse...

Nunca se vêem as chaves não registadas!
Beijos.

SimplesmenteAna disse...

Bem... que dia de contratempos e de azar.
Deveria ter logo rasgado o boletim que afinal não foi a tempo de ser registado.

Paula Crespo disse...

Caramba, isso mais parece o Nova Iorque Fora de Horas, como costumo dizer! :)

flashes... disse...

Como um azar nunca vem só ihihih...preferia dicar sem sopa .
Uma história mesmo á tua maneira amiguinho
Bjs Zita

Violeta disse...

isso é que é azar...

Maria, Simplesmente disse...

Esse azarento eras tu?
Se eras... obrigada pela gargalhada que me fizeste dar.
Rimos sempre com o mal dos outros!...
Eu ri mais porque nunca jogo seja em que jogo for.
Sopa só faço em dias de semana e batata raramente ponho na sopa porque engorda e gorda já eu sou.
Asim posso rir... e o meu figado agradece.
Bj
Maria

O Puma disse...

Frango assado ao poder

Sílvia disse...

Má gestão do tempo por parte do sujeito masculino. Se fosse uma mulher teria capaciadade de tudo fazer he he he Dizem, os estudos, que as mulheres têm maior capacidade para realizar diversas tarefas em simultâneo. Será?

Lia disse...

Há dias assim...parece que tudo acontece ao contrário:0)))))))))))Gostei da história!Continua!
Beijo*

Pekenina disse...

Ai Ai Ai... o ele não sabe que quando não se joga não se arrisca a ver os números? :) Que frustração! Ihihihi

Beijinho