segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

FALANDO DE ÓSCARES SÓ ME OCORRE O NOME DO MEU AMIGO JOÃO ÓSCAR FERREIRA!


Quando se fala em oscares a primeira coisa que me ocorre é o nome do meu grande amigo João Oscar Ferreira, namorado de uma amiga minha. Raramente me lembro que existem umas estatuetas lá longe, num país bem diferente do nosso, que são entregues todos os anos a gente que nós não conhecemos e que muitas vezes nunca ouvimos falar - tal como Jeff Bridges nunca ouviu falar de Cristiano Ronaldo, nós também temos direito a nunca ter ouvido falar de muitos dos actores, actrizes, realizadores e outros que tais que nos impõem!

O cinema mudou o mundo! Foi talvez o princípio de tudo, ou pelo menos de muita coisa! Eu gosto muito de cinema, mesmo muito, e nos últimos tempos até tenho ido mais vezes ao cinema do que normalmente ia. Mas, e talvez pela primeira vez, não vi nenhum dos principais filmes nomeados e galardoados nesta cerimónia que tem o nome do tal meu amigo. À excepção de Toy Story 3, pois este vi no dia em que saiu! Mas, os outros, os que falam de reis, bailarinas e facebooks, não vi. Ou ainda não vi! E não vi, porque geralmente fico decepcionado com o que se diz das respectivas fitas quando as confronto com a realidade de as visionar. Excepções feitas a algumas películas, claro, como em tudo ou quase tudo na vida!

O que tenho visto ultimamente tem produções e realizações aqui mais para os lado da Europa, França e Itália em especial. E têm sido opções que me deixam a pensar e com vontade até de rever os filmes ou parte deles. Pois é assim que o cinema deve ser: fazer-nos pensar, pensar muito, e até aceitar que alguns modifiquem a nossa vida!

Bons filmes, já agora!

4 comentários:

Joana disse...

Alguns dos filmes fazem-nos confrontar os nossos medos e esses no meu ponto de vista, são bons filmes.

Beijinhos

lino disse...

Já não me lembro da última vez que fui ao cinema. Enquanto não me reformar vou vendo alguns em casa.
Abraço

Ana disse...

Nisso concordo muito contigo, o cinema europeu (principalmente o francês) é muito superior ao americano, os argumentos são excelentes.
Os óscares é mais o glamour inerente a hollywood. Para variar por altura dos óscares poucos filmes nomeados passaram cá mas tenho tido algumas boas surpresas, a maior foi há uns anos com o filme crash que ganhou o oscar de melhor filme), eu nunca tinha ouvido falar do filme e surpreendeu-me muito porque aborda o tema do racismo e xenofobia nos estados unidos mas acaba por ser um reflexo da sociedade actual.
Dos nomeados ainda só vi o inception (gostei muito, se gostaste de matrix vais gostar deste) mas tenho muita curiosidade em relação ao black swan e ao Winter’s Bone.
Beijinhos

Maria João disse...

Julgo que não vi ainda nenhum filme que tenha, por si só, mudado a minha vida. No entanto, muitos filmes que vi, por tanto me fazerem pensar, tiveram um contributo importante para a forma como percepciono o mundo e como compreendo as voltas e reviravoltas que sempre acontecem no argumento do filme da minha vida ( esse que por enquanto ainda está em exibição). Aprende-se tanto com um bom filme, como com um bom livro, um bom poema, uma boa fotografia ou simplesmente uma boa conversa...
e os verdadeiros oscares, são aqueles que conquistamos, passo a passo, com essas aprendizagens.

Um beijinho