quarta-feira, 13 de maio de 2009

FÁTIMA, VELAS E TRADIÇÃO

Vi uma luz sobre Fátima, vinda do lado direito...

Vai-se a Fátima pelos mais variadíssimos motivos: por fé, para pagar promessas, por passeio, por curiosidade, por reportagem... eu não vou dizer porque razão fui duas vezes a Fátima no espaço mais ou menos de um ano, não tem interesse para vocês. Mas direi que em Fátima se conseguem fazer fotos interessantes e encontrar um mundo real e ao mesmo tempo virtual... perceberam o meu raciocínio? Bom, eu também não, mas se calhar também não é para perceber! Aqui ficam imagens das velas a arder e do interior das igrejas do santuário e da igreja nova. Um dia ainda lá irei a 13 de Maio!



9 comentários:

Violeta disse...

tenho uma recordação de Fátima muito minha, chei ade fé. jamais a esquecerei.
Mas a imagem que não me sai da cabeça é os padres a tirarem o dinheiro das caixas de esmolas à pazada, não dá para contar...
E depois o que fazem com este dinheiro?
A igreja - instituição - paga algum restauro dos seus edifícios? naõ, mais uma vez somos nós contribuintes.
A igreja ajuda verdadeiramente quem precisa em termos monetários?
para onde vai o dinheiro? para manter a "máquina" .. e não foi sempre assim?
enquanto o povo morria de fome a igreja ostentava maior riqueza que alguma nobreza.
Fico-me por aqui
feliz dia!

mulher disse...

Lindas fotos.
Adorei obrigada.
bjinhos

Maria, Simplesmente disse...

Voltei hoje ao Olhares e só agora reparei que é dia 13, por acaso a fotografia que lá coloquei mostra uma das tecnologia a que Fátima aderiu, e que me chamou a atenção por tão bem concebida.
Gosto da parte antiga de Fátima, que embora grandiosa nos dá um pouco mais da sensação de humildade.
A parte moderna de Fátima agrada-me pois dá-me fotografias espectaculares, mas destoa naquele lugar. Para meu gosto.
No entanto Fátima hoje, é toda ela cheia duma tecnologia que não está visivel e onde se continua a permitir o que não se devia permitir.
Que me perdoem aqueles que discordam de mim, mas não sei ser de outra maneira, só sei ser sincera.
Abraço
Maria

elvira carvalho disse...

A 13 de Maio, só lá fui no ano em que Paulo VI cá veio. Não me lembro da data, mas lembro que ele estava lá nessa data.
Mas vou duas vezes por ano a Fátima.
E tenho fotos muito bonitas de lá.
Um abraço

Sight Xperience disse...

Olá,
Aqui vai uma sugestão, quando o Sofá se deslocar outra vez a Fátima...
Faça-o ao entardecer, pára o auto na rotunda sul (as dos Pastorzinhos) e depois percorra lentamente e silenciosamente o "caminho dos pastorzinhos" também conhecido por calvário dos hungaros. Vá de coração aberto, sentidos despertos...e depois diga-me qualquer coisa.
Para mim este "local" é a verdadeiro e o maior dos Santuários... a Natureza e o que ela nos diz.
Um abraço

Carla disse...

de facto as fotos estão muito interessantes...mas Fátima ainda me consegue deixar um amargo de boca quando vejo alguns dos sacrifícios que lá são feitos
beijos

pin gente disse...

mas nesse dia não creio que consigas focar tão bem as imagens!


um abraço
luísa

Maria, Simplesmente disse...

Bonitas as tuas fotos, se te for possível vai ao "A Luz A Sombra" e se conheces diz-me qualquer coisa, gostava dum teu comentário sobre aquelas fotos.
Bj
Maria

© Piedade Araújo Sol disse...

os dias 13 são sempre muito concorridos os de Maio nem te falo.

beij