sexta-feira, 22 de outubro de 2010

DE FRANÇA COM... TERROR!


Será que os acontecimentos em França - manifestações contra a alteração da data da reforma das pessoas - vão chegar a Portugal?



Fotos de PLAY TIME feitas em exclusivo para O Meu Sofá Amarelo

Mais logo aqui n' O Meu Sofá Amarelo!

6 comentários:

Anónimo disse...

Olá, Sentada no teu sofá:) eu diria "de França com Luta"
Era bom que em Portugal também se tomasse consciência que perder alguns direitos adquiridos é ficarmos a curto prazo algemados e restringidos ao que querem fazer de nós.Bom... mas nós parece que estmos condenados a viver em condições dificeis, mas a reagir como se vivessemos no "tal" jardim de Eden e a deixar que sejam os governantes e alguns patrões a comer as nossas maçãs :)
Play time

Jorge disse...

Bom dia,
Em Portugal uma certeza não dura mais que um dia. Cada um responde às incertezas à sua maneira.
Abr
J

Rosa Carioca disse...

Não sou a favor da violência mas...

JE VOIS LA VIE EN VERT disse...

Acho que é fazer um bicho de 7 cabeças para 2 anos e muitos se aproveitam para fazer distúrbios. Os miúdos que aproveitam esta situação para actos de violência nem sabem do que se trata ! Já são os europeus que se reformam mais cedo, não entendem que doutra maneira já não é viável ? O que poderiam dizer os portugueses que trabalham mais e a quem ainda prometem mais anos !
Romuald ? Há tantos anos que não ouvia falar dele. Estás a envelhecer-me...:((
Beijinhos
verdinha

tulipa disse...

Só ontem pude voltar a fazer um post, mas tive que fazer de uma forma como "NUNCA antes tinha feito"...
isso originou que eu não posso escolher o tipo de letra, justificar o texto,
escolher a cor da letra, enfim...
um sem número de diferenças que não me agradam, de todo.

Quem sabe, não será este o ponto de partida para eu "desistir" da blogosfera...

Peço desculpa a quem me visita, se a aparência do post não for a mais aceitável, mas...muito sinceramente, não consigo fazer melhor.

BOM DOMINGO.
Abraços outonais.

Ana disse...

Olá!
Pode ser que os portugueses se deixem deste conformismo que reina, desta crise ser só para alguns e esses alguns serem sempre os mesmos!
beijinhos