quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Dia Europeu do Antibiótico: em Portugal até se receitam antibióticos para as dores d' alma!


Numa consulta médica (num Centro de Saúde ao acaso):

Médico: - Então, de que se queixa?
Paciente: - Não ando nada bem, Dr, são aquelas dores que me afligem cada vez mais...
Médico: - Vai ver que isso não é nada! Tem tomado os antibióticos?
Paciente: - Sim, tenho tomado todos os que me receitou, mas sinto-me tão fraco...
Médico: - E não se tem dado bem, é isso?
Paciente: - Acho que precisava de fazer uns exames, talvez um TAC...
Médico: - Já não tenho plafond para lhe mandar fazer um TAC... mas vejamos, há aqui outra coisa.: você queixa-se de dores na alma?
Paciente: - Dores na alma, que é isso Dr, e como se resolve?
O Médico - oriundo de um país que não Portugal - consulta um calhamaço, demora alguns segundos até que chega a um veredicto e escreve com aquela letra que por vezes nem os farmacêuticos percebem:
Médico: - Já sei o que você tem. Tem uma dor d' alma aguda. Vou receitar-lhe aqui um remédio para tomar de 8 em 8 horas...
Paciente: - Que remédio, Dr?
Médico: - Um antibiótico, saídinho agora mesmo do laboratório!

Hoje é o Dia Europeu do Antibiótico mas bem que poderia ser o Dia Português do Antibiótico, pois Portugal é o país da Europa onde mais se prescrevem e se consomem antibióticos: por tudo e por nada, toma lá antibiótico, muitas vezes utilizados sem receita médica.

5 comentários:

Paulo disse...

LOL tá demais o diálogo do texto, é mesmo á portuguesa. Se Portugal é o país europeu que se prescrevem antibióticos, ou os médicos são na maioria dos casos pessoas que não estão na sua vocação certa e sim são Doutores por obrigação familiar, ou os médicos levam mesmo á letra o "efeito placebo" acreditando que a maioria dos pacientes são depressivos e basta fingir a cura para se sentir logo os efeitos ^^

Abraço amigo :)

lino disse...

Em alguma coisa teríamos de ser os primeiros. Pena que seja onde não interessa.
Abraço

Joana disse...

Este post fez-me lembrar a situação que se está a passar com o meu avô. Os médicos só lhe sabem receitar medicamentos, o que fez com que andasse a tomar ao mesmo tempo vários medicamentos para o mesmo. :(

Beijinhos

Lia disse...

Sofá Amarelo,

agora fiquei "rosa chiclete" heheheh, só tu!:0)


Beijinhos

Ana disse...

Olá!
Eu só tomo medicamentos em último caso, ainda sou apologista do cházinho!!
Beijinhos