domingo, 21 de novembro de 2010

NÃO SEI SE LEVAS O MAR... OU SE É O MAR QUE TE LEVA!


Não sei se levas o Mar
Envolto nas ondas de um tempo
Ou se levas os momentos
Das palavras que segredas
E que atiras ao Vento,
Não sei se levas o Mar
Escondido nos teus dedos
Ou se o guardas de reserva,
Pois não sei se levas o Mar...
Ou se é o Mar que te leva!

8 comentários:

mulher disse...

Bom domingo!!
Muito inspirado!Muito bonito.
Bjinho

Marta disse...

A eterna dúvida....
Ás vezes, nem nós sabemos porquê...
Gostei....
Bom domingo...
Beijos e abraços
Marta

Anónimo disse...

"O homem está afectevimante presente no mundo. A existência é um fio continuo de sentimentos mais ou menos vivos ou difusos, os quais podem mudar e concretizar-se com o passar do tempo e de acordo com as circunstâncias" (David Le Bretom)". Antropologia das emoções"
Pois é... essa musica do Paco tende ao saudosismo!!!
desculpa sofá mas nem por isso gosto muito. Sou apologista que devemos viver o presente, sob pena que se passamos o tempo a pensar no passado ou a ter medo do futuro. o presente passará sempre a ser um passado que deixamos de viver.
Play Time

Joana disse...

Passei só para te dar um grande beijinho de parabéns!
Felicidades.

Beijocas

lino disse...

Duvido, logo estou vivo.
Abraço

Maria João disse...

Quando o mar está revolto, é na força da onda que ele nos leva. Porém, quando se espraia e nos vem beijar as mãos suavemente, é essa doce espuma que penetra a nossa pele e levamos connosco para suavizar a nossa vida e a tornar mais serena.

Um beijinho

Justine disse...

Belíssimo ritmo, verso a verso, onda a onda...

candida disse...

muito bem.